Jogo do Território

O objetivo da construção do material pedagógico acessível Jogo do território, criado coletivamente pelos educadores e educandos, foi viabilizar o acesso de todos os estudantes, com e sem deficiência, a conteúdos de geografia, utilizando o território da própria comunidade escolar para trabalhá-los.

O jogo é composto por um tabuleiro de madeira em MDF com a localização geográfica dos arredores da escola por meio de um mapa cortado e impresso a laser. O tabuleiro apresenta um dado e uma rosa dos ventos digitais e sonoros, além de botões que reproduzem áudios dos pontos de referência das áreas comerciais próximas à escola e também construções em 3D (que representam lojas, padaria, farmácia, entre outros estabelecimentos).

O jogo contém ainda cartas complementares com perguntas relacionadas aos temas de cada estabelecimento (saúde, alimentação, meio ambiente, entre outros).

Para jogar, os participantes acionam o dado sonoro e caminham o respectivo número de casas na direção indicada pela rosa dos ventos. Conforme passam pelas construções, escutam os áudios com as informações de cada lugar fornecidas pela comunidade. Em determinas casas, respondem às perguntas das cartas.

Articulação com a Base nacional comum curricular 

O projeto desenvolvido para a construção e utilização do material pedagógico acessível englobou os componentes curriculares de geografia, língua portuguesa, matemática, informática, história, arte e ciências.

Em relação aos conteúdos curriculares, foram trabalhados: localização geográfica; operações básicas de matemática; história do entorno da escola, por meio de entrevistas realizadas pelos estudantes; alimentação saudável; doenças causadas por vírus e bactérias; poluição da água, do solo e do ar.

Considerando o relato de experiência da EMEF João Naoki Sumita e as possibilidades de uso em outras escolas, o Jogo do território pode ser utilizado como estratégia pedagógica para os seguintes objetivos de aprendizagem da Base nacional comum curricular (BNCC):

História

UNIDADE TEMÁTICA  Transformações e permanências nas trajetórias dos grupos humanos 
OBJETO DE CONHECIMENTO  O passado e o presente: a noção de permanência e as lentas transformações sociais e culturais 
HABILIDADE  (EF04HI03) Identificar as transformações ocorridas na cidade ao longo do tempo e discutir suas interferências nos modos de vida de seus habitantes, tomando como ponto de partida o presente. 

 

UNIDADE TEMÁTICA  O lugar em que vive 
OBJETO DE CONHECIMENTO  A produção dos marcos da memória: formação cultural da população 
HABILIDADE  (EF03HI07) Identificar semelhanças e diferenças existentes entre comunidades de sua cidade ou região, e descrever o papel dos diferentes grupos sociais que as formam. 

Geografia

UNIDADE TEMÁTICA  Conexões e escalas 
OBJETO DE CONHECIMENTO  Paisagens naturais e antrópicas em transformação 
HABILIDADE  (EF03GE04) Explicar como os processos naturais e históricos atuam na produção e na mudança das paisagens naturais e antrópicas nos seus lugares de vivência, comparando-os a outros lugares. 

 

UNIDADE TEMÁTICA  Formas de representação e pensamento espacial 
OBJETO DE CONHECIMENTO  Representações cartográficas 
HABILIDADE  (EF03GE06) Identificar e interpretar imagens bidimensionais e tridimensionais em diferentes tipos de representação cartográfica. 

(EF03GE07) Reconhecer e elaborar legendas com símbolos de diversos tipos de representações em diferentes escalas cartográficas. 

(EF06GE08) Medir distâncias na superfície pelas escalas gráficas e numéricas dos mapas. 

 

UNIDADE TEMÁTICA  Natureza, ambientes e qualidade de vida 
OBJETO DE CONHECIMENTO  Diferentes tipos de poluição 
HABILIDADE  (EF05GE11) Identificar e descrever problemas ambientais que ocorrem no entorno da escola e da residência (lixões, indústrias poluentes, destruição do patrimônio histórico etc.), propondo soluções (inclusive tecnológicas) para esses problemas. 

 

UNIDADE TEMÁTICA  Formas de representação e pensamento espacial 
OBJETO DE CONHECIMENTO  Mapas temáticos do Brasil 
HABILIDADE  (EF07GE09) Interpretar e elaborar mapas temáticos e históricos, inclusive utilizando tecnologias digitais, com informações demográficas e econômicas do Brasil (cartogramas), identificando padrões espaciais, regionalizações e analogias espaciais. 

Atributos do Desenho universal para a aprendizagem 

O material foi confeccionado em sintonia com o conceito de Desenho universal para a aprendizagem (DUA) e utiliza diversos recursos para minimizar as barreiras à participação autônoma de todos e todas as estudantes, com ou sem deficiência.

O Jogo do território permite a associação de respostas orais, visuais e táteis, que ampliam as possibilidades de aprendizagem dos conteúdos. Os pinos e o tabuleiro são imantados, facilitando a aderência e o manuseio principalmente das pessoas com dificuldade de coordenação motora fina. O dado e a rosa dos ventos são sonoros e visuais, ampliando as possibilidades de escolhas e respostas das questões do jogo. Já os áudios dos pontos do território enriquecem a compreensão das informações sistematizadas pelos alunos e alunas.

A garantia de participação ativa dos estudantes, tanto na criação do jogo como na atividade propriamente dita, contribui para aumentar a motivação e o trabalho colaborativo entre todos os estudantes.

O trabalho de pesquisa e entrevista com os comerciantes do entorno da escola aproxima o componente curricular da vida cotidiana e mobiliza conhecimentos prévios dos estudantes.

 

Compartilhe este conteúdo com seus amigos.
Comente ou compartilhe nas mídias sociais: