Uma iniciativa Instituto Rodrigo Mendes

O que é acessibilidade?

O que é acessibilidade?

A acessibilidade prevê a eliminação de barreiras presentes no ambiente físico e social que impedem ou dificultam a plena participação das pessoas com e sem deficiência em todos os aspectos da vida contemporânea. A acessibilidade é fundamental para a inclusão e deve estar presente em diferentes contextos, tais como: arquitetônico, comunicacional, metodológico, instrumental, atitudinal, programático, entre outros. 

Quais são os diferentes tipos de acessibilidade?
  • Acessibilidade arquitetônica: eliminação de barreiras ambientais físicas nas residências, nos edifícios, nos espaços e equipamentos urbanos, nos meios de transporte individuais ou coletivos;
  • Acessibilidade comunicacional: eliminação de barreiras na comunicação interpessoal (oral, língua de sinais), escrita (jornal, revista, livro, carta, apostila etc., incluindo textos em braile e o uso de computador portátil) e virtual (acessibilidade digital);
  • Acessibilidade metodológica: eliminação de barreiras nos métodos e técnicas de estudos (escolar), de trabalho (profissional), de ação comunitária (social, cultural, artística etc.) e de educação familiar;
  • Acessibilidade instrumental: eliminação de barreiras para o acesso e manuseio de instrumentos, utensílios e ferramentas de estudos (escolar), de trabalho (profissional), de lazer e recreação (comunitária, turística, esportiva etc.);
  • Acessibilidade programática: eliminação de barreiras “invisíveis” embutidas em políticas públicas (leis, decretos, portarias etc.), normas e regulamentos (institucionais, empresariais etc.);
  • Acessibilidade atitudinal: eliminação de preconceitos, estigmas, estereótipos e discriminações nas pessoas em geral.
Qual é a principal estratégia de acessibilidade na educação brasileira?

O Atendimento Educacional Especializado (AEE) é um serviço destinado a estudantes com deficiência, Transtorno do Espectro Autista (TEA) e altas habilidades/superdotação. Seu objetivo é desenvolver práticas pedagógicas inclusivas e atividades diversificadas para eliminar barreiras no processo de ensino-aprendizagem e garantir o pleno acesso e a participação desses estudantes na escola regular. Por esse motivo, o AEE configura como uma das principais estratégias de acessibilidade no contexto educacional brasileiro. 

Leia também: 

+ Conceitos e dicas sobre Atendimento Educacional especializado 

+ Os pressupostos e os desafios do AEE 

+ AEE e sala comum: trabalho colaborativo para a inclusão 

O que são Tecnologias Assistivas (TAs)?

O termo Tecnologias Assistivas (TAs) diz respeito a toda e qualquer ferramenta de uso pessoal criada especificamente para compensar os impedimentos de uma pessoa e melhorar sua capacidade funcional. Trata-se do conjunto de produtos, serviços, técnicas, aparelhos e procedimentos que contribuem para proporcionar ou ampliar habilidades funcionais de pessoas com deficiência e, consequentemente, promover a inclusão e uma vivência autônoma. As TAs também auxiliam a mobilidade, a percepção e a utilização do meio ambiente e seus elementos. 

O que é Desenho Universal para a Aprendizagem (DUA)?

Além de orientar a concepção e desenvolvimento de espaços físicos e artefatos, o Desenho Universal também se aplica à educação por meio do Desenho Universal para a Aprendizagem (DUA). 

O DUA é um conceito que aponta para a necessidade de criar objetivos educacionais, métodos, materiais e avaliações que funcionem com todos – não como uma solução única, do tipo um-tamanho-serve-a-todos, mas sim como uma abordagem mais flexível, que pode ser personalizada e ajustada para as necessidades individuais. 

O DUA pode auxiliar os educadores a desenvolver ou optar por estratégias pedagógicas que possibilitem que todos os estudantes, independentemente de suas características e formas de aprendizagem, aprendam em igualdade de condições. 

O QUE É E COMO O DUA PODE FAVORECER TODO E CADA ESTUDANTE? 

O que são materiais pedagógicos acessíveis?

Material pedagógico é todo e qualquer recurso utilizado em sala de aula com uma finalidade específica de ensino e aprendizagem. 

A educação inclusiva prevê o uso de diferentes materiais pedagógicos para alcançar um mesmo objetivo de ensino. Nesse caso, a referência para a escolha ou desenvolvimento de atividades deve ser o próprio estudante, suas necessidades (baseadas em características físicas, sensoriais ou outras), seus interesses e habilidades, visando sempre a equiparação de oportunidades. 

COMO GARANTIR A ACESSIBILIDADE DOS MATERIAIS PEDAGÓGICOS? 

Faça parte da nossa comunidade