A escola pode recusar o laudo médico de um aluno com autismo?

Olá. Sou mãe de um menino lindo que vai completar três anos agora em junho. Meu filho foi diagnosticado com espectro autista (f84). Ele frequenta a creche do município desde 2017, no período da tarde. Ele tem dificuldade na fala, não consegue formar frases curtas, fica irritado quando não entendemos a sua pronúncia, não fala palavras simples e não consegue pronunciar o nome. Toda vez que é perguntado “qual é o seu nome?”, ele responde “eu”. Tudo que se refere a ele, ele sempre fala “eu”. Gosta de enfileirar brinquedos, é apaixonado por animais (mais especificamente por cavalos, bois). Todas as cores pra ele são azul, ele não interage com crianças em festas e reuniões de família. Até com o irmão de seis anos ele não gosta de brincar. Se irrita com barulho de caminhão e outros objetos e quando ele está irritado, ele chora e grita muito. Com a terapia da fonoaudióloga em grupo e individual e a terapia ocupacional individual, ele tem melhorado algumas dessas características que relatei. Mas ainda com algumas dificuldade. A fala ainda está bem comprometida. O neuropediatra deu o laudo médico, a terapeuta ocupacional (TO) também solicitou uma mediadora (auxiliar) na sala, porém a coordenadora junto a secretária de educação da escola se negaram a aceitar o laudo médico, alegando que ele não é autista e nem espectro. Eles têm esse direito? Eu como mãe vejo que ele precisa sim de uma auxiliar. Ano que vem ele já vai para o jardim l e ainda não sabe definir cores, nem falar o próprio nome. Estou desesperada e me sentido perdida com relação aos direitos do meu filho. Posso recorrer à Justiça caso não consiga a auxiliar? A escola pode negar o laudo médico e a declaração da terapeuta ocupacional? O fonoaudiólogo da Apae diz que é necessário, a fonoaudióloga do convênio diz que não. Me ajudem.

Garantia de direitos
Por Equipe DIVERSA
Olá! Agradecemos pela confiança em dividir sua dúvida. Acreditamos que a troca de experiências entre pessoas envolvidas com o atendimento de estudantes com deficiência na escola comum é essencial para a construção de uma educação cada vez mais inclusiva. Por isso, sua contribuição é muito importante para a Comunidade DIVERSA. Nesse momento, estamos buscando pessoas e referências que possam te ajudar. Enquanto isso, sinta-se livre para explorar os estudos de caso, os relatos de experiência e os artigos de nossa biblioteca. Continue nos contando suas descobertas sobre o tema da educação para todos!
Conhece alguém que pode responder? Compartilhe um link para a pergunta.
Comente ou compartilhe nas mídias sociais: